Notícias

20 de julho

SPC Brasil estabelece novas regras para exibição de registros das dívidas

Em abril de 2020, o SPC Brasil e os demais bureaux de crédito associados à ANBC (Associação Nacional do Bureaux de Crédito) decidiram ampliar para 45 dias o prazo para exibição do registro das dívidas, em resposta às consequências econômicas da pandemia do coronavírus, condição que se encerrou no dia 19 de julho.

 

Para minimizar os efeitos e possibilitar um retorno seguro dessa condição, ajudando e protegendo empresas e consumidores, o SPC Brasil, junto às demais empresas do setor, estabeleceu um plano de transição com uma redução gradativa desse prazo, retornando ao processo normal, de acordo com a legislação de cada Estado, conforme o cronograma abaixo:

 

 

 

 

 

 

Vale lembrar que as inclusões no SPC e os envios das comunicações continuam ocorrendo normalmente, o que muda é apenas o prazo para disponibilização do registro, que seguirá conforme o cronograma apresentado.

 

Com base em indicadores do SPC Brasil, o envio das cartas por meio eletrônico ou físico garante uma recuperação média de 40% dos consumidores que pagam ou renegociam suas dívidas antes da ativação, graças à força da marca SPC Brasil.

 

Fonte: SPC Brasil