Notícia

banner-news

A importância de ter um profissional faz-tudo na sua empresa

A pessoa responsável é quem vai resolver pequenos e grandes problemas.

 

O colaborador que tem esse papel de faz-tudo em uma empresa é um profissional confiável e responsável. É ele quem realiza tarefas de conservação e reparo no interior ou exterior das instalações, além de manter os espaços em perfeitas condições.

.

As habilidades necessárias para ser um profissional assim são: conhecimentos técnicos, habilidade de reparos em geral e um olhar atento para todos os detalhes da empresa.

.

Responsabilidades

  • Limpar as instalações;
  • Realizar manutenção e pequenos reparos;
  • Realizar trabalhos de paisagismo;
  • Pintar e preencher trincas ou fendas;
  • Realizar pequenas montagens ou serviços de carpintaria;
  • Reparar equipamentos ou aparelhos;
  • Auxiliar os profissionais especializados em reparos elétricos, hidráulicos ou de climatização;
  • Realizar tarefas atribuídas ou de emergência;
  • Identificar e relatar a necessidade de grandes reparos.
.

O Marcos de Lara Ferreira é o profissional responsável por essa função de faz-tudo na ACIG. Ele faz parte do quadro de três colaboradores que formam a equipe de serviços gerais há mais de dois anos. Com essa experiência, soube durante todo o processo desenvolver várias habilidades.

.

Quando falamos de um profissional faz-tudo, é aquele que reúne os conhecimentos de várias profissões em uma função só. Marcos diz que o olhar apurado é que ajuda a prevenir, identificar e resolver problemas aparentes ou sinais simples de um problema. "É importante estar sempre atento a estrutura e ao ambiente, tanto interno quanto externo. Cada dia eu faço alguma coisa diferente, tem dias que eu preciso cuidar da parte de fiação, salas de reuniões, também corto a grama, resumindo, faço um pouco de tudo", afirma.