Notícias

13 de agosto

Associativismo regional mostra sua força em Guarapuava

Nesta terça-feira, a Acig (Associação Comercial e Empresarial de Guarapuava) foi anfitriã do evento regional que reuniu associações comerciais das Coordenadorias Regionais da Região Centro Oeste (Cacicopar) e da Região Centro Sul (Cacesul) do Paraná. Cerca de vinte municípios participaram das nove horas de atividades preparadas pela Faciap (Federação das Associações Comerciais e Empresariais do Paraná) na terceira convenção regional, evento que antecede a Convenção Anual da Federação. Maringá e Campo Mourão foram, respectivamente, palco da primeira e da segunda edição do evento.

Para o Ceme Guarapuava (Conselho/Núcleo Empresarial da Mulher Empreendedora), a convenção regional superou as expectativas, pois reuniu o dobro de pessoas aguardadas para o evento. “Por se tratar de uma convenção realizada em horário comercial, não imaginávamos contar com tamanha participação”, relata Tatiane Cordeiro, membro do Ceme. Loren D’Angelo, também conselheira do Ceme, destaca a grande presença de lideranças femininas no evento, jamais vista por ela em seus 5 anos de participação na Acig. Do total de participantes, setenta eram mulheres.

O evento começou às 8h da manhã com as boas-vindas do presidente da Faciap, Rainer Zielasko. Em seguida, o debate girou em torno dos desafios e oportunidades da BCF (Base Centralizadora da Faciap), banco de dados de consulta de crédito oferecido por boa parte das associações paranaenses, do qual a Acig faz parte.

Após o almoço, lideranças debateram sobre o papel das coordenadorias como indutoras do desenvolvimento regional e os agentes de microcrédito. Os produtos, serviços e novidades da Faciap também fomentaram a discussão.

À tarde, o público predominante era feminino. As lideranças foram convidadas a conhecer o Prêmio Sebrae Mulher de Negócios, cujas inscrições vão até dia 16 de agosto. O objetivo do prêmio é identificar, selecionar e premiar relatos de vida de mulheres empreendedoras de todo o país, as quais transformaram seus sonhos em realidade e cuja história de vida hoje é exemplo para outras que possuem o mesmo sonho. Desde 2004, vinte mil candidatas se inscreveram na premiação, sendo 460 histórias pertencentes a empreendedoras paranaenses. O estado ocupa a segunda colocação nacional em número de inscritas.

Em seguida, executivos das Associações Comerciais de Pitanga e Irati apresentaram os resultados obtidos nas respectivas entidades desde a implantação do Capacitar, um programa de gestão de associações comerciais. Estas ACE’s operam com o programa desde 2009 e hoje são casos de sucesso dentre as ACE’s do Paraná.

Quem finalizou o evento foi o palestrante Amauri Crozariolli, que provocou as lideranças presentes a repensar a conduta de suas associações comerciais. Segundo Crozariolli, as ACE’s devem cumprir mais efetivamente o papel de promover o desenvolvimento socioeconômico da região, através de boas práticas hoje observadas em associações como as de Pitanga e Turvo, anteriormente citadas. Para o palestrante, “as associações comerciais devem ter posturas que façam a diferença em seus municípios”. Ele também ressaltou a importância das práticas cooperativistas e associativistas, pois acredita que “é melhor trabalhar um com o outro, do que um contra o outro”. “Nos tempos atuais, praticamente nada é possível sem união”, frisou o palestrante.

Valdir Grigolo, presidente da Cacicopar, acredita que o evento foi um sucesso, pois, mais uma vez, a organização da Faciap se mostrou eficaz. “Foi um dia muito agradável”, classificou. Maria Salete de Melo, presidente do Ceme Estadual, compartilha da opinião de Grigolo, e acredita que principalmente a grande participação feminina significa que ações como esta motivam as mulheres a aplicarem seu potencial em ações que virão não só em benefício próprio, mas também em benefício da comunidade.

Para a presidente do Ceme de Guarapuava, Maria Inês Guiné, o encontro serviu principalmente para fortalecer os conselhos das associações comerciais da região. “Atitudes como esta nos dão um ‘gás a mais’ para continuar exercendo atividades em prol da classe empresarial dos municípios. E isto acaba fortalecendo as associações comerciais, afinal, são as principais representantes da classe”.

Nós usamos cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência em nossos serviços e recomendar conteúdo de seu interesse. Ao utilizar nossos serviços, você concorda com tal monitoramento. Informamos que qualquer dúvida sobre os seus dados, você pode entrar em contato com o DPO da Acig, Margarete Freitas – dpo@acig.com.br(42) 3621-5501.